TEXTOS, CRÔNICAS, REFLEXÕES

Sobre foco e perspectiva

12 Jul 2017

| Escrito por

Aquilo que repetidamente pensa e vem a sua mente é pra onde sua energia é direcionada. Se há um grande sentimento de impotência ou negatividade nesse 'algo' que vem a sua mente, é mais do que natural sentir-se desgastado física e emocionalmente derivado disso.

 

Quanto mais esse comportamento é repetido, mais obscura se torna nossa visão e mais esse sentimento ruim se qualifica e potencializa, deixando cada vez mais a visão obscura e assim por diante, em um ciclo de tragédia grega. Não surpreendentemente, nosso corpo responde das maneiras mais plurais possíveis. 

  

Contudo, se conseguirmos uma brecha nesse ciclo e termos um momento para respirar e ver o que é realmente essencial a nós e em nós, temos a oportunidade de nos deparar com um outro estado de espírito, totalmente oposto ao de outrora.

 

Nessa situação, as coisas são vistas por outros ângulos e aquilo que tanto incomodava não incomoda tanto assim.

 

Se isso é possível, o quão nosso sofrimento é realmente dado como fato? O ponto aí é o foco: para onde seus pensamentos estão direcionados? É o acúmulo deles que vai ditar como você se sentirá no seu íntimo. Não há como dedicar-se diligentemente em coisas que te fazem mal e esperar estar bem, não é?

 

Compartilhar no Facebook
Compartilhar no Twitter
Compartilhar no Google+
Curtir
Please reload